quinta-feira, 13 de maio de 2010

ANTIGAS CIVILIZAÇÃO : EGITO E MESOPOTÂMIA

Os povos antigos tinham uma relação muito forte com a natureza, dependendo basicamente dela para sua sobrevivência.

Se observarmos a formação das antigas sociedades percebemos que elas têm sua origem a partir do domínio dos rios, desenvolvendo – se à medida que utilizam sua inteligência para conquistar a natureza.

O Egito e a Mesopotâmia foram surgindo em função de suas localizações, próximas aos rios NILO, TRIGRE e EUFRATES.

Esta região banhada pelos rios Nilo, Tigre e Eufrates tem a forma de uma meia-lua, que chama-nos de CRESCENTE FÉRTIL.

CIVILIZAÇÃO
Na Antiguidade, a cidade possuía uma organização política independente, semelhante aos países.

A diferença é que os países são composto por várias cidades, e na antiguidade as cidades tinham Governo, administração e leis próprias, por isto eram chamadas de CIDADES-ESTADOS.

Sua influência cultural, muitas vezes ultrapassavam os limites de seus territórios.
As primeiras civilizações surgiram no IV milênio a c e, por volta do ano 2000 a c , onde destacamos o EGITO, MESOPOTÂMIA, GRÉCIA e ROMA.

IMPÉRIO
Império é uma unidade política, onde uma cidade passa a exercer poder sobre as outras cidades e aldeias.
Os Impérios se formavam quando o rei e chefe militar de uma cidade em busca de riqueza e poder, conquistava outras cidades e criava um império, mantendo o poder sobre elas pela força armada.


O EGITO
Hoje o Egito ( República Árabe do Egito) tem como capital a cidade do CAIRO, onde quase toda a população tem o ISLAMISMO como religião oficial.
O país tem 50.000 Km² de terras férteis, onde 95 estão cobertos pelos desertos. A situação rural acentua-se pela existência de grandes latifúndios e grandes áreas ocupadas com as plantações de algodão.




EGITO e o NILO

O Egito fica ao norte do Continente Africano numa região com grande quantidade de caça, pesca , sementes e frutos. Varias tribos de caçadores, coletores e pescadores já habitavam aquela região.
O clima foi se tornando cada vez mais seco, transformando a maior parte da região em deserto.
Com a descoberta da agricultura, os egípcios faziam dela sua principal atividade econômica, cultivavam cereais oliveiras, alface, cebola alho, uva, figo linho e etc.
O fato natural que favorecia as plantações eram as enchentes anuais do rio NILO, que fertilizavam as áreas próximas às margens depositando uma grosa camada de lodo.
A fertilidade trazia grandes colheitas, melhorando as condições de vida e provocando o crescimento da população.
Isso exigia um constante aumento da área plantada. Para tanto, foi preciso construir canais de irrigação e ampliar a área úmida e fértil.


FARAÓ O poder sem limites.
A união de várias cidades-estados sob o domínio de um mesmo governo deu origem ao Império Egípcio. Inicialmente havia dois reinos o BAIXO EGITO ao norte e o ALTO EGITO ao sul.
Por volta de 3.200 a c , o rei Menés do Alto Egito, conquistou o Baixo Egito, formando um só reino.
No Egito o rei era chamado de faraó, era o chefe militar, juiz e legislador.
Os egípcios acreditavam que o faraó era um deus vivo, seu poder era incontestável.
O povo não tinha nenhum direito de participar politicamente ou de contestar.
O faraó tinha vários auxiliares, o VIZIR ocupava-se com todos os assuntos em nome do faraó. Havia também os sacerdotes, governadores de províncias, oficiais, escribas que registravam toda a vida econômica do Império.

SOCIEDADE :
A sociedade estava dividida em dois grupos os privilegiados ( nobres, sacerdotes e funcionários administrativos)

Os não privilegiados ( soldados, artesão, camponeses e escravos).
Na sociedade Egípcia não havia mobilidade social,ou seja mudar de grupo social.
Os nobres, proprietários de grandes extensões de terras, ocupavam também os principais postos do exercito.



As Pirâmides: São grandes monumentos entre as quais destacamos três QUEÓPS, chamada de Grande Pirâmide, a de QUEFRÉN e a de MIQUERINOS.

A Pirâmide de Queóps é uma das sete maravilhas do mundo.


O comércio era intenso com a Fenícia, Palestina, Síria e Creta, sendo os principais produtos o trigo, a cerâmica e os tecidos de lã e linho.
Importavam ouro, a prata, o marfim e madeira.

Religião servia de instrumento de controle da Sociedade.
A religião desempenhou um papel muito importante na vida dos egípcios, eram politeísta, acreditavam em vários deuses.

ZOOMORFISMO – com forma de animais.
ANTROPOZOOMORFÍSMO – com forma de homem e animal.

Principais deuses : Rá, Osíris, Isis, Hórus. Certos animais eram considerados sagrados como gato, o crocodilo, o escaravelho e o boi..

Os Egípcios acreditavam na vida após a morte, que a alma comparecia ao Tribunal de Osíris para ser julgada.

No sarcófago costumava-se deixar jóias, armas e alimentos.
As pirâmides expressam as crenças religiosas dos egípcios.

A escrita : foram criadas três tipos :

• HIEROGLIFICA muito complexa, usada pelos escribas.
• HIERÁTICA usada pelos sacerdotes.
• DEMÓTICA uma simplificação da hieroglífica.

O francês Champollion foi quem decifrou a escrita egípcia, em um documento conhecido como Pedra da Roseta.

ARTES : as artes estavam voltadas para a glorificação dos deuses e faraós, destacando a arquitetura( pirâmides, esfinges e templos).

CIÊNCIAS : desenvolveram a astronomia, a matemática e a medicina.
No campo da astronomia criaram o calendário solar com 365 dias 12 meses de 30 dias e mais 5 dias de festas.

O Egito foi dominado, a partir do século VII a c pelos Assírios, Persas Gregos e os Romanos.

Após um longo período de dominação romana os Árabes sepultaram a Civilização dos Faraós.



MESOPOTÂMIA:

Foi na Mesopotâmia que se inventou a roda, a escrita, o primeiro código de leis jurídicas e o primeiro exercito permanente do mundo. Lá tínhamos o rei Nabucodonossor que construiu a Torre de Babel.

E segundo a Bíblia o Jardim do Éden ficava na Mesopotâmia onde viveram Adão e Eva.

MESOPOTÂMIA a elite guerreira controlava o estado.

Hoje ocupa a estreita faixa de terra que hoje corresponde ao território do Iraque, e significa terra entre rios, TIGRE e EUFRATES.

Na época das cheias, os rios Tigre e Eufrates transbordavam deixando uma rica camada de limo, desta forma o solo tornava-se fértil, produzindo grande quantidade de alimentos.

A Mesopotâmia foi o berço das primeiras civilizações, construiu as primeiras cidades, organizou o governo de um estado, desenvolveu uma economia produtora de mercadorias para serem negociadas, criou um dos primeiros sistemas de escrita.

Para o desenvolvimento da agricultura desenvolveu a criação de canais de irrigação, diques e barragens.

POVOS E CONQUISTA :

Os principais povos que se estabeleceram na Mesopotâmia foram os SUMÉRIOS, ACÁDIOS, AMORITAS(antigos Babilônicos), ASSIRIOS, e os CALDEUS(novos Babilônicos)

SUMÉRIOS : foram os primeiros povos a organizar-se em civilização. Localizavam-se na parte sul da mesopotâmia e era governada pelo Patesi, chefe político, religioso e militar. Entre suas invenções destacamos a escrita e a roda e de suas Leis originou-se o Código de Hamurabi.

ACÁDIOS, conquistaram as cidades sumerianas e fundaram o primeiro império da Mesopotâmia, enfraquecidos pelas revoltas internas foram dominados pelos Amoritas.

AMORITAS ou antigos Babilônicos: o mais importante rei foi Hamurabi responsável pela elaboração o primeiro código jurídico com leis escritas, o Código de HAMURABI, que adotava a Lei de Talião ( olho por olho, dente por dente).

ASSÍRIOS: Localizavam-se ao norte da Mesopotâmia e eram guerreiros ferozes, organizaram um dos primeiros exércitos do mundo.

CALDEUS ou novos Babilônicos: após o fim do Império Assírio a cidade da Babilônia ficou independente, dominada pelos Caldeus foi reconstruída e tornou-se uma das mais belas da antiguidade. O principal rei foi NABUCODONOSSOR que construiu os Jardins Suspensos da Babilônia e a Torre de Babel. Tomou Jerusalém escravizando os Hebreus.

Economia: a servidão coletiva em beneficio do rei. A agricultura era a principal atividade e a população submetia-se a servidão coletiva. A construção de canais de irrigação e de barragens foram utilizadas para aproveitamento das cheias.

Para facilita e regulamentar as trocas comerciais criaram o dinheiro em barras de ouro e prata, contratos escritos de comércio, letras de câmbio, praticavam o empréstimo a juros e carta de crédito.

RELIGIÃO : A religião tinha grande influência na vida de todos os povos da Mesopotâmia.
Eram politeísta, acreditavam em vários deuses. É seus deuses possuíam formas humanas. ( antropomórficos)

Os Mesopotâmicos contribuíram com a Escultura, Arquitetura, Direito, Matemática, Astronomia, Escrita

Nenhum comentário:

Postar um comentário